.: Operação Impacto: mais dois réus pedem dispensa de interrogatórios

TRIBUNA DO NORTE – 18/nov/2009
Repórter: Felipe Gibson

O ex-vereador Emílson Medeiros dos Santos (foto) e o assessor parlamentar Klaus Charlier Nogueira Serafim de Melo pediram dispensa do interrogatório judicial sobre o suposto envolvimento de ambos em um esquema fraudulento apontado na operação Impacto, deflagrada pela Polícia Civil e Pelo Ministério Público Estadual em 2007.

Os pedidos, que foram feitos nesta terça-feira (17/11), serão analisados pelo juiz da 4ª vara criminal de Natal, Raimundo Carlyle de Oliveira, que determinará se Medeiros e Charlier serão dispensados ou não do interrogatório marcado para o próximo dia 24/11, no fórum Miguel Seabra Fagundes.

Se os pedidos de Emílson Medeiros e Klaus Charlier forem aceitos, chegará a cinco o número de réus dispensados do interrogatório. Em setembro deste ano os vereadores Adão Eridan (PR) e Aquino Neto (PV) e o ex-vereador Aluisio Machado (PSB) tiveram suas dispensas concedidas pelo juiz Raimundo Carlyle.

O processo presidido por Carlyle apura um suposto esquema de corrupção para fraudar a votação do Plano Diretor de Natal em 2007.

%d blogueiros gostam disto: